5 dicas para escolher o local do casamento | Daniel Henrique
Assine e receba nossas dicas

5 dicas para escolher o local do casamento

5 dicas para escolher o local do casamento

5 dicas para escolher o local do casamento

Após encontrar a pessoa ideal e conhecê-la bem, finalmente você toma uma das decisões mais importantes de sua vida: casar. A motivação e o entusiasmo são enormes, mas, de repente, você se depara com uma série de dúvidas e inseguranças. Afinal, o dia do casamento tem que ser perfeito, tanto para os noivos quanto para os convidados.

Uma das maiores indecisões surge quando chega o momento de escolher o local do casamento. Para te ajudar nessa decisão, preparamos este artigo com alguns aspectos importantes que devem ser considerados para não errar na escolha do local ideal. Continue a leitura e confira!

1. Tema e conceito do casamento

O primeiro fator a ser levado em conta é a espécie de cerimônia que se pretende organizar. O tema e o conceito do evento variam muito conforme o perfil dos noivos. Há, por exemplo, casais jovens que preferem um casamento que foge dos padrões tradicionais e optam por lugares alternativos que combinem com uma decoração inspirada em temas da natureza, valorizando a sofisticação que pode ser encontrada na simplicidade.

Para esse perfil de público, locais como sítios, praias e alguns espaços para recepções são uma boa pedida. Para aqueles que desejam a realização de uma cerimônia mais clássica, a tendência é preferir locais fechados, com requinte e decoração elaborada.

Independentemente do tipo de local, aberto ou fechado, contar com a ajuda de uma boa empresa de cerimoniais é, sem dúvida, a melhor alternativa. Porém, vale a pena fazer uma boa pesquisa, pois trata-se de um mercado no qual a variação de preços é muita acentuada.

2. Época do ano e horário da cerimônia

A escolha do local do casamento também deve levar em consideração a época do ano e o horário da cerimônia. Sabe-se que as condições climáticas variam muito, dependendo da região do Brasil onde os noivos residem ou pretendem realizar a cerimônia de matrimônio.

No Sudeste e no Sul, o inverno tende a oferecer baixas temperaturas, principalmente à noite. No Nordeste e no Norte, por outro lado, os invernos são chuvosos. No verão, as altas temperaturas verificadas em grande parte do país prejudicam os casamentos durante o dia, a céu aberto. Nesse caso, aconselha-se um lugar fechado, preferencialmente à noite e com um sistema de climatização eficiente ou um local aberto em um horário em que o sol não esteja no ápice, ou seja, no início da manhã ou no final da tarde.

Se a temporada for de chuva, é melhor evitar sítios e praias. Dê preferência a localidades fechadas cujos acessos sejam livres de lama ou de irregularidades no piso.

Não há dúvida de que a estação do ano mais concorrida para a realização de casamentos é a primavera. Afinal, é considerada como a época do ano mais romântica, com clima favorável em boa parte do país. Na primavera, pode-se realizar um casamento em diversos lugares, independentemente do tema e do conceito escolhidos.

3. Local de fácil acesso

Seja no campo, na praia ou no centro de uma grande metrópole, é importante que o local escolhido para celebrar este momento marcante ofereça facilidade de acesso para noivos, convidados, padrinhos e fornecedores.

A boa acessibilidade garante que ninguém chegue atrasado ao casamento e, mais importante, oferece conforto para quem esteja em trajes sociais, saltos altos, vestidos sofisticados, ternos impecáveis e para os fornecedores, que carregam consigo equipamentos sensíveis e de alto custo. É importante reduzir ao máximo o risco de dano a esses materiais.

Mesmo os locais tidos como “alternativos” devem contar com vias de acesso fáceis e rápidas. Marcar um casamento em uma praia distante, alcançável apenas por barco ou após uma longa caminhada é uma atitude que desconsidera as dificuldades impostas aos convidados e pode resultar em um grande fracasso.

Se o local escolhido fica em um centro urbano, opte por horários mais amigáveis, que escapem do caos do trânsito. Escolher, por exemplo, as 18 horas de uma sexta-feira ou de uma véspera de feriado pode gerar grandes transtornos. Quando o assunto é facilitar a chegada do público ao seu evento, o bom senso deve sempre prevalecer.

4. Tamanho e conforto do local do casamento

As dimensões e a estrutura do local do casamento variam de acordo com o perfil dos noivos e do número de convidados. Para cerimônias mais intimistas, um lugar menor, bem decorado, confere uma sofisticação ímpar. Os poucos convidados ali presentes se sentem especiais por terem sido escolhidos, mas deve-se ter atenção às condições a eles oferecidas. Assentos amplos e clima arejado, por exemplo, são essenciais.

Para eventos de grandes dimensões, com muitos convidados, os cuidados são redobrados. Em uma festa de casamento para centenas de convidados, por exemplo, é imprescindível que o buffet seja impecável. Os pratos escolhidos devem levar em consideração diferentes paladares e preferências. Opções para vegetarianos e veganos são indispensáveis. As bebidas devem estar à temperatura adequada e deve-se oferecer alternativas saudáveis às crianças, fugindo do velho clichê de refrigerante e sucos artificiais.

Além disso, a climatização do ambiente, a qualidade e a decoração das mesas, o número e a limpeza dos banheiros, bem como o volume do som devem ser perfeitos para que todos se sintam acolhidos e bem à vontade.

5. Estrutura das instalações elétricas

Sabe-se que, tanto na cerimônia de casamento quanto na festa, a utilização de equipamentos elétricos é muito ampla. Som, vídeo, iluminação e fotografia são essenciais. Assim, é necessário verificar a estrutura das instalações elétricas, como a tensão utilizada, os modelos de tomadas, a existência ou não de geradores, etc.

Problemas elétricos podem provocar uma grande dor de cabeça. Para que nenhuma surpresa desagradável ocorra, contrate um eletricista de confiança para vistoriar o local de modo a constatar a sua capacidade em suportar as exigências que uma ocasião dessa proporção exige.

Escolher o local do casamento não é uma tarefa fácil, mas com essas dicas você vai poder escolher o local perfeito com muito mais segurança e curtir um dos momentos mais marcantes da sua vida.

E para você, como deve ser o local ideal para o seu casamento dos sonhos? Deixe o seu comentário contando para gente! Vamos adorar saber! Temos um parceiro que indicamos de olhos fechados a vocês, acessem o site da empresa e conheçam um pouco mais do Buffet Gourmet, temos certeza que vão amar os serviços deles. Tanto um espaço aconchegante para menos pessoa como o Buffet completo que lhes atende onde precisar.

Forte Abraço, Daniel Henrique.

Gostou do nosso trabalho? Então compartilhe!

Mande-nos um email, e fique por dentro de todas as novidades.

Converse conosco pelo Whatsapp